grossa

French translation: (avarie) commune

GLOSSARY ENTRY (DERIVED FROM QUESTION BELOW)
Portuguese term or phrase:grossa
French translation:(avarie) commune
Entered by: Teresa Borges

13:03 Jul 4, 2013
Portuguese to French translations [PRO]
Bus/Financial - Insurance
Portuguese term or phrase: grossa
a contribuição que em regulação de avaria grossa impenda sobre os objectos e /ou interesses seguros;
Nathalie Tomaz
France
Local time: 18:45
(avarie) commune
Explanation:
Ver IATE:

Domaine ÉCHANGES ÉCONOMIQUES ET COMMERCIAUX, Transport maritime
pt
Définition Todo e qualquer sacrifício, por exemplo, lançamento de carga ao mar, ou despesas de contratação de um rebocador, voluntária e deliberadamente feita, em situação de perigo, para a salvação do navio e da sua carga.
Réf. de la définition Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003

Terme avaria grossa
Fiabilité 3 (fiable)
Réf. du terme Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Commentaire relatif au terme Os interesses salvos contribuem para o pagamento dos sacrifícios feitos. Segundo o “Código Comercial Português” de 1888, Art.º 635º, são todas as despesas extraordinárias e os sacrifícios feitos voluntariamente, com o fim de evitar um perigo, pelo Capitão ou por sua ordem, para a segurança comum do navio e da carga, desde o seu carregamento de partida até ao seu retorno e descarga. Segundo a Regra A das Regras de York-Antuérpia, são sacrifícios e despesas extraordinários intencional e justificadamente feitos, para a segurança comum, com o objectivo de preservar do perigo as coisas comprometidas numa aventura marítima. Segundo o “Direito Marítimo Comercial”, Guilherme A. Vidal, 1927, é toda a despesa ou avaria que proceda da vontade do homem e feita extraordinariamente em benefício e interesse comum para salvação do navio e carregamento a evitar um perigo ou a perda. Segundo o “International Maritime Dictionary”, René De Kerchove, 2ª Edição, 1961, “general average fact” é qualquer sacrifício ou despesa extraordinária voluntária e razoavelmente feita ou incorrida em tempo de perigo com o propósito de preservar a propriedade posta em perigo na aventura comum. Segundo o “Dictionary of Shipping International Trade Terms and Abbreviations”, Alan E. Branch, 3ª Edição, 1986, é um sacrifício deliberado ou despesa realizada para a segurança comum da aventura. Os interesses que beneficiam do sacrifício ou gasto contribuem proporcionalmente para as perdas.;REF:Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Date 24/09/2003


Terme avaria comum
Fiabilité 3 (fiable)
Réf. du terme Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Commentaire relatif au terme Os interesses salvos contribuem para o pagamento dos sacrifícios feitos. Segundo o “Código Comercial Português” de 1888, Art.º 635º, são todas as despesas extraordinárias e os sacrifícios feitos voluntariamente, com o fim de evitar um perigo, pelo Capitão ou por sua ordem, para a segurança comum do navio e da carga, desde o seu carregamento de partida até ao seu retorno e descarga. Segundo a Regra A das Regras de York-Antuérpia, são sacrifícios e despesas extraordinários intencional e justificadamente feitos, para a segurança comum, com o objectivo de preservar do perigo as coisas comprometidas numa aventura marítima. Segundo o “Direito Marítimo Comercial”, Guilherme A. Vidal, 1927, é toda a despesa ou avaria que proceda da vontade do homem e feita extraordinariamente em benefício e interesse comum para salvação do navio e carregamento a evitar um perigo ou a perda. Segundo o “International Maritime Dictionary”, René De Kerchove, 2ª Edição, 1961, “general average fact” é qualquer sacrifício ou despesa extraordinária voluntária e razoavelmente feita ou incorrida em tempo de perigo com o propósito de preservar a propriedade posta em perigo na aventura comum. Segundo o “Dictionary of Shipping International Trade Terms and Abbreviations”, Alan E. Branch, 3ª Edição, 1986, é um sacrifício deliberado ou despesa realizada para a segurança comum da aventura. Os interesses que beneficiam do sacrifício ou gasto contribuem proporcionalmente para as perdas.;REF:Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Date 24/09/2003


fr
Terme avarie commune
Fiabilité 3 (fiable)
Réf. du terme Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Date 24/09/2003
http://iate.europa.eu/iatediff/SearchByQuery.do?method=searc... grossa&sourceLanguage=pt&domain=0&matching=&start=0&next=1&targetLanguages=fr
Selected response from:

Teresa Borges
Portugal
Local time: 17:45
Grading comment
Selected automatically based on peer agreement.
4 KudoZ points were awarded for this answer



Summary of answers provided
4 +4(avarie) commune
Teresa Borges


  

Answers


7 mins   confidence: Answerer confidence 4/5Answerer confidence 4/5 peer agreement (net): +4
(avarie) commune


Explanation:
Ver IATE:

Domaine ÉCHANGES ÉCONOMIQUES ET COMMERCIAUX, Transport maritime
pt
Définition Todo e qualquer sacrifício, por exemplo, lançamento de carga ao mar, ou despesas de contratação de um rebocador, voluntária e deliberadamente feita, em situação de perigo, para a salvação do navio e da sua carga.
Réf. de la définition Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003

Terme avaria grossa
Fiabilité 3 (fiable)
Réf. du terme Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Commentaire relatif au terme Os interesses salvos contribuem para o pagamento dos sacrifícios feitos. Segundo o “Código Comercial Português” de 1888, Art.º 635º, são todas as despesas extraordinárias e os sacrifícios feitos voluntariamente, com o fim de evitar um perigo, pelo Capitão ou por sua ordem, para a segurança comum do navio e da carga, desde o seu carregamento de partida até ao seu retorno e descarga. Segundo a Regra A das Regras de York-Antuérpia, são sacrifícios e despesas extraordinários intencional e justificadamente feitos, para a segurança comum, com o objectivo de preservar do perigo as coisas comprometidas numa aventura marítima. Segundo o “Direito Marítimo Comercial”, Guilherme A. Vidal, 1927, é toda a despesa ou avaria que proceda da vontade do homem e feita extraordinariamente em benefício e interesse comum para salvação do navio e carregamento a evitar um perigo ou a perda. Segundo o “International Maritime Dictionary”, René De Kerchove, 2ª Edição, 1961, “general average fact” é qualquer sacrifício ou despesa extraordinária voluntária e razoavelmente feita ou incorrida em tempo de perigo com o propósito de preservar a propriedade posta em perigo na aventura comum. Segundo o “Dictionary of Shipping International Trade Terms and Abbreviations”, Alan E. Branch, 3ª Edição, 1986, é um sacrifício deliberado ou despesa realizada para a segurança comum da aventura. Os interesses que beneficiam do sacrifício ou gasto contribuem proporcionalmente para as perdas.;REF:Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Date 24/09/2003


Terme avaria comum
Fiabilité 3 (fiable)
Réf. du terme Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Commentaire relatif au terme Os interesses salvos contribuem para o pagamento dos sacrifícios feitos. Segundo o “Código Comercial Português” de 1888, Art.º 635º, são todas as despesas extraordinárias e os sacrifícios feitos voluntariamente, com o fim de evitar um perigo, pelo Capitão ou por sua ordem, para a segurança comum do navio e da carga, desde o seu carregamento de partida até ao seu retorno e descarga. Segundo a Regra A das Regras de York-Antuérpia, são sacrifícios e despesas extraordinários intencional e justificadamente feitos, para a segurança comum, com o objectivo de preservar do perigo as coisas comprometidas numa aventura marítima. Segundo o “Direito Marítimo Comercial”, Guilherme A. Vidal, 1927, é toda a despesa ou avaria que proceda da vontade do homem e feita extraordinariamente em benefício e interesse comum para salvação do navio e carregamento a evitar um perigo ou a perda. Segundo o “International Maritime Dictionary”, René De Kerchove, 2ª Edição, 1961, “general average fact” é qualquer sacrifício ou despesa extraordinária voluntária e razoavelmente feita ou incorrida em tempo de perigo com o propósito de preservar a propriedade posta em perigo na aventura comum. Segundo o “Dictionary of Shipping International Trade Terms and Abbreviations”, Alan E. Branch, 3ª Edição, 1986, é um sacrifício deliberado ou despesa realizada para a segurança comum da aventura. Os interesses que beneficiam do sacrifício ou gasto contribuem proporcionalmente para as perdas.;REF:Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Date 24/09/2003


fr
Terme avarie commune
Fiabilité 3 (fiable)
Réf. du terme Sociedade de Geografia de Lisboa. Secção de Transportes - Glossário Marítimo Comercial . Lisboa : Sociedade de Geografia , 2003
Date 24/09/2003
http://iate.europa.eu/iatediff/SearchByQuery.do?method=searc... grossa&sourceLanguage=pt&domain=0&matching=&start=0&next=1&targetLanguages=fr

Teresa Borges
Portugal
Local time: 17:45
Native speaker of: Native in PortuguesePortuguese
PRO pts in category: 12
Grading comment
Selected automatically based on peer agreement.

Peer comments on this answer (and responses from the answerer)
agree  Sandrine Alves
43 mins
  -> Obrigada, Sandrine!

agree  Nicole Viegas
2 hrs
  -> Obrigada, Nicole!

agree  Dominique Fourcroy: avarie commune: toute espèce de détérioration survenue à des objets et se rapportant à tous ou à plusieurs
18 hrs
  -> Obrigada, Dominique!

agree  Philippe Maillard
1 day 8 hrs
  -> Obrigada, Philippe!
Login to enter a peer comment (or grade)



Login or register (free and only takes a few minutes) to participate in this question.

You will also have access to many other tools and opportunities designed for those who have language-related jobs (or are passionate about them). Participation is free and the site has a strict confidentiality policy.

KudoZ™ translation help

The KudoZ network provides a framework for translators and others to assist each other with translations or explanations of terms and short phrases.


See also:

Your current localization setting

English

Select a language

Term search
  • All of ProZ.com
  • Term search
  • Jobs
  • Forums
  • Multiple search